A mais rápida do mundo: Japão lança internet de 2 Gbps por R$ 100

por SrKenshi, fonte Pcworld, data 15 Abr 17:22 (17 horas atrás) editar remover

Empresa da Sony começou a oferecer hoje o serviço em Tóquio e mais seis cidades vizinhas.

imagem

A empresa japonesa So-net, subsidiária da Sony no país, está oferecendo internetde 2GB no território nacional. A velocidade chama a atenção até mesmo se comparada a Google Fiber, ofertada nos EUA pela gigante de buscas com velocidade de 1 GB.

O valor da mensalidade da japonesa é de US$ 51 (cerca de R$ 99). Apesar de bastante atrativa, a adesão não é das mais familiares. O valor de instalação é de US$ 540 (R$ 1058), com um plano de fidelidade de dois anos.
Se comparada à internet do Google, a japonesa leva vantagem na taxa mensal. Nos EUA, a Fiber tem custo de mensalidade de US$ 70 (R$ 137), e é oferecida em apenas duas cidades norte-americanas.
Apesar de chamar a atenção, a maior parte dos computadores não seria capaz de usufruir por completo da alta velocidade de conexão, visto que suportam até 1 Gbps por meio de cabos e ainda menos por meio de redes sem fio. Mesmo assim, em redes com vários computadores, a So-net pode ser atrativa para garantir boa qualidade de conexão.

O governo japonês tem apoiado fortemente as conexões de fibra para residências particulares e, como resultado, o país está agora entre os líderes mundiais da tecnologia. Cerca de 25% dos lares japoneses contam com conexões de fibra, a segunda maior taxa do mundo, atrás apenas dos Emirados Árabes Unidos, com 70%.

O serviço de fibra está sendo implantado com facilidade em Tóquio porque grande parte da população mora em apartamentos “bem construídos”. Segundo a própria So-net, o serviço usa o sistema de rede óptica passiva (PON, na sigla em inglês), que suporta até 2,488 Gbps.

imagem

por SrKenshi, fonte: Pcworld

by: http://www.gamevicio.com/

O que é lag?

 

Você procurou uma solução para seu jogo parar de travar tanto e encontrou o termo lag, mas não sabe o significado? Acabe com suas dúvidas!

Por Marluce Peron em 28 de Maio de 2009

 

A palavra latência pode ser utilizada por diversos campos de estudo, sendo designada para explicar fenômenos de suas respectivas áreas. Em biologia, latência refere-se ao estado de repouso de um organismo. Enquanto na medicina, é usada para denominar o intervalo de tempo entre o estímulo e a reação associada a ele.

Para a informática, o significado é praticamente o mesmo: é o intervalo de tempo entre o início de uma atividade e o momento em que os efeitos desta se tornam aparentes. Nessa área, latência também é conhecida como ping e possui correlação com débito (largura de banda) que corresponde ao número total de atividades durante um determinado tempo. Em outras palavras, é a taxa de bits que uma rede de transferência suporta.

As duas medidas são inversamente proporcionais porque, se a quantidade de atividades ultrapassa o limite da rede, vão ocorrer atrasos na hora de executá-las. É aquele caso típico em que você quer fechar um programa e o computador demora um tempo até efetivamente realizar a tarefa. Esses atrasos na comunicação do computador são denominados pelo termo lag.

Lag, ping e os jogos online.

Os jogadores de games online conhecem muito bem o efeito, pois são eles os que mais sofrem com isso. Você estava vencendo uma batalha no World of Warcraft ou estava prestes a encontrar a bomba dos terroristas no Counter Strike, mas o computador deu aquela “travadinha” que fez toda a diferença.

Mesmo que o atraso não chegue a atrapalhar o jogo, convenhamos: esse tal de lag incomoda e muito! Imagina aturar uma partida inteira de Call of Duty 4 como esta do vídeo?

 

Portanto, na hora de escolher um servidor para jogar, observe aquele que apresenta o menor número de ping (latência). Isso significa que a conectividade está mais rápida, pois o tempo de resposta é menor. Se você quiser dicas de como melhorar o desempenho de games online,clique aqui.

Lag e as configurações.

Quando você tenta instalar um jogo a qualquer custo, mesmo que seu computador não tenha todos os requerimentos necessários, adivinha o que acontece? Lag!

GTA IV é um bom exemplo de game que exige uma boa configuração de hardware. Veja o vídeo abaixo com a comparação do desempenho do jogo no XBOX 360 e no PC (o autor do vídeo forneceu os dados do computador).

 

“Mãe, tô na TV!”

Por falar em atrasos na comunicação, os telejornais também são incluídos na lista de vítimas do efeito lag. Quando um correspondente internacional está transmitindo uma notícia ao vivo e mantém uma conversa com o jornalista no estúdio, é possível perceber atrasos no início das suas falas.

Leia mais em: http://www.tecmundo.com.br/jogos/2163-o-que-e-lag-.htm#ixzz2PphqXOaI

Como evitar a surdez causada pelos fones de ouvido

Entenda os perigos ocultos de escutar música com fones de ouvido e veja como usá-los sem causar danos a um sentido tão importante

Por Marcel Perossi em 03/Ago/2012

Não é uma situação incomum. Seja caminhando nas ruas de qualquer cidade, dentro de transportes públicos cambalentes e mal conservados, ou mesmo em restaurantes barulhentos, existe alguém munido de um tocador de músicas digitais e um fone de ouvido, alheia aos barulhos do ambiente, imersa nas músicas escolhidas para distração.

Algumas pessoas, principalmente nas redes sociais, pedem para mais pessoas adotarem a mesma postura, sobretudo as rotuladas como ‘funkeiros’: pessoas que tocam músicas de qualidade duvidosa em alto e bom som dentro de espaços públicos, sem perguntar se há alguém interessado em escutar a seleção musical deles.

Apesar de tudo, não é todo mundo que incentiva o uso de fones de ouvido. Pelo contrário. Algumas pessoas, como o otorrinolaringolosita Manoel de Nóbrega, professor da Unifesp, pede para que tenhamos mais cuidado com este hábito do século atual. E que usemos os fones moderadamente. Afinal, corremos o risco de virar uma geração surda.

Ouvindo um motor a jato

Para ilustrar todo potencial de um tocador musical, o professor Peter Rabinowitz da Universidade de Medicina de Yale conduziu uma pesquisa que mediu a quantidade de decibéis do iPod. Resultado: o dispositivo chega em 120 decibéis quando tocado no volume máximo.

Esta altura seria o suficiente para causar o mesmo impacto nos ouvidos que um motor a jato. E de maneira profunda, pois as lesões auditivas aumentam seu impacto com sons acima de 90 dB. Como lembra Nóbrega, os danos são irreversíveis. “O que perdeu nunca mais recupera. Lembre-se de que vivemos num mundo auditivo: ou você ouve ou será excluído”.

Escala de sons em decibéis; um tocador de músicas pode chegar à escala máxima.

 

O que você tem feito errado?

O professor Manoel de Nóbrega enfatizou dois comportamentos cruciais para você ensurdecer antes dos seus avós e pais. O primeiro é usar o fone de ouvido por muito tempo e em alto volume. Utilizá-lo por muitas horas pode causar irritação e inflamação da pele do meao acústico externo (conhecido como “orifício da orelha”) podendo levar à otite externa aguda.

A segunda forma para causar danos permanentes é usar o fone em apenas uma orelha. “É extremamente prejudicial, podendo levar a perda auditiva unilateral com suas graves implicações, como, por exemplo, a perda de estereofonia, da localização da fonte sonora ou do falante”, explica o professor.

Além do jeito de usar os fones de ouvido, o modelo também é um fator a ser considerado. O modelo de fone que é colocado no meato acústico interno ocluindo o canal é o mais prejudicial (modelo intra-auricular). O som pode ser amplificado em cinco vezes dentro do canal auditivo. O modelo ideal é o fone de ouvido externo, que dá boa atenuação do ruído gerado.

Como usar o fone de ouvido

Mudar os hábitos, de uma hora para outra, pode não ser muito fácil. Mas como diz uma bela frase – da qual o redator prefere acreditar que tenha sido cunhada por Dorival Caymmi, embora não tenha certeza – “a repetição dos atos forma o hábito; o hábito gera o caráter; o caráter faz o destino”; é necessário mudar os hábitos para criar outro destino. Neste caso, não ficar surdo.

O professor Manoel deu três dicas para amenizarmos os problemas decorrentes do mau uso dos fones de ouvido. O primeiro é não usar ou evitar os fones de ouvido enquanto estiver caminhando pelas ruas. Com o fone, perdemos a identificação dos sinais sonoros de alerta. E em alguns casos, colocamos em risco nossa própria vida, como acontece na combinação entre sms e carro.

Não ouça música por muito tempo e em alto volume. Se a pessoa ao seu lado ouvir o que você está escutando é porque você exagerou. Por fim, tente manter o volume do som em 60% da capacidade total, apesar desta métrica variar de acordo com a potência do aparelho tocador. Esta é uma forma segura para você não exagerar na quantidade de decibéis enviados aos tímpanos.

Com algumas mudanças de hábito, você pode escutar músicas sem problemas

 

Mal moderno

Segundo Manoel, corremos o risco de virar uma geração marcada pela surdez, e não é por qualquer motivo que existem programas como Hearing Guardian. Contudo, basta mudarmos nossos hábitos para desfrutarmos dos fones de ouvido sem perder um sentido tão importante. Afinal, tem coisa mais chata e incômoda que repetir a pergunta: “o que você disse mesmo?”.
* Agradecimento especial ao professor da Unifesp e otorrinolaringolosita Manoel de Nóbrega

Fonte: http://www.superdownloads.com.br/materias/surdez-causada-pelos-fones-de-ouvido.html#ixzz2PVgATe8K

Seagate lança o primeiro HD com 4 TB e quatro discos

Pela bagatela de US$ 190 (algo em torno de R$ 385), o modelo, além de pioneiro, ainda reduz o consumo de energia e aumenta consideravelmente a taxa de transferência de dados.

Por Carlos Eduardo Ferreira em 4 de Abril de 2013

Seagate lança o primeiro HD com 4 TB e quatro discos(Fonte da imagem: Divulgação/Seagate)

A fabricante Seagate acaba de lançar o primeiro HD com 4 TB (terabytes) munido de quatro discos independentes — cada um com 1 TB, naturalmente. O anúncio foi acompanhado do apelido sonoro de “o primeiro do mundo”… O que certamente é verdade, embora apenas pela parte dos quatro discos.

Mas os discos fazem algo além de ocupar mais espaço, é claro. Basicamente, o novo HD consome 35% menos energia do que a média dos concorrentes, aumentando ainda a taxa de dados transferidos por segundo: são 145 MB/s (megabytes por segundo). Trata-se, portanto, do modelo mais rápido até o momento, considerando-se a tecnologia aplicada.

Ademais, a Seagate afirma ainda que o novo design permitiu baratear o preço do disco. O HD pode ser adquirido juntamente com um hard case por US$ 212 (cerca de R$ 420) ou sem nenhum acréscimo por US$ 190 (aproximadamente R$ 385).

Leia mais em: http://www.tecmundo.com.br/novidade/38241-seagate-lanca-o-primeiro-hd-com-4-tb-e-quatro-discos.htm#ixzz2PVdc05M4

Erro 404: os piores hábitos dos usuários do Instagram

Confira o que as pessoas fazem na rede social de fotografias mais popular da atualidade.

Por Renan Hamann em 22 de Março de 2013

Instagram. Para alguns ela é a melhor invenção desde os hambúrgueres de beterraba, mas para outros é apenas um excelente modo de mostrar o que foi preparado para o almoço. Independente de qual seja a sua opinião, você já deve ter percebido que há muitos hábitos ruins envolvendo a rede social de fotografias — pois é, ele é muito mais do que um aplicativo para colocar efeitos em fotos de macarronada.

“Hábitos ruins, Tecmundo? Então quer dizer que existe um manual de etiqueta do Instagrão?”. Não, jovem amigo. Porém, é claro que existem algumas práticas que poderiam ser evitadas.  Mas você sabe que o Erro 404 não foi criado para ensinar bons modos para os usuários da internet, por isso o que faremos é APONTAR E RIR das utilizações mais chatas que podemos encontrar por lá.

E não estamos falando apenas de fotos de comida e biquinhos na frente do espelho. Os hábitos vão bem além disso. Está curioso para saber do que estamos falando — para saber se você também não comete nenhum “crime fotográfico” —, não é verdade? Então confira agora mesmo o nosso artigo.

“GPOY” e mais “GPOY”

O “GPOY” é uma tag frequentemente encontrada nas fotografias do Instagram. Ela significa “Gratuitous Picture of Yourself”, ou “Foto Gratuita de Você Mesmo”, sendo utilizada por pessoas que, em alguns momentos, decidem mostrar o rosto nas fotos. Não há nada errado nisso, afinal de contas estamos falando de perfis pessoais — e cada um decide postar o que bem entende.

#eu #euzinho #touca #gorro #fendadobiquini #gpoy #egoshot (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Mas é claro que você não quer perder seguidores, por isso é importante que em alguns momentos você mostre outras coisas que não a sua cara. Quando muitas fotografias mostram o mesmo rosto, os outros usuários podem acabar se irritando e parando de seguir você.  Mas é importante dizer que não são todos os “autopostadores” que passam por isso.

O que realmente incomoda são as legendas utilizadas, que parecem ter sido resgatadas do passado — de um tempo em que o Orkut ainda era utilizado por todos os terráqueos. A partir desse momento, fica proibido postar foto em frente ao espelho e utilizar a legenda “Não sei quem tirou essa foto, ficou horrível hihihi”. O mesmo vale para as fotos de biquíni com “Preciso começar uma dieta”.

Fotos de comida! Por que tantas?

“Dia desses, eu estava almoçando com o Stallone e com o Schwarzenegger. Quando olhamos para a mesa ao lado, percebemos que um garoto estava tirando fotografias de seu próprio prato! Tudo bem eles não terem entendido, afinal de contas são dois cachorros vira-latas que eu resgatei, mas eu também não consegui entender por que aquilo estava acontecendo!”.

Isso não é um sushi! (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Esse foi o depoimento emocionado de um senhor que estava almoçando à beira-mar e viu um menino tirando fotos das suas batatas fritas para postar no Instagram. Mas você sabe que ele não está sozinho nesse drama, pois muitos casos parecidos acontecem com uma frequência bem grande — o redator confessa que já fez isso no passado e até acha legal quando são comidas diferentes.

Mas por que ainda acontece isso na sociedade moderna? Por que as pessoas querem tanto mostrar o que estão comendo? Para obter uma resposta contundente, contatamos o Dr. Fabio Tonafoto (nome fictício), pós-doutor em psicologia e autor do livro: “Por que os adolescentes andam de skate e os adultos preferem patinetes?”. Ele nos deu o seguinte depoimento: “Desculpe, mas não sei responder a essa questão!”.

#Tag #outratag #maisumatag

A fotografia mostra o pôr do sol, mas as hashtags apontam para as seguintes pesquisas: #por-do-sol #sunset #sun #sol #tarde #entardecer #praia #mar #cenario #paraiso #vidaboa #praia #ferias #usartodasastags. Certamente, você já viu algo parecido com isso em algum lugar e é claro que deve ter pensado: “Mas por que isso acontece, gente?”.

#eu #euzinho #bob #esponja #calça #quadrada #fenda #do #biquini #lula #molusco #sirigueijo #patrick #estrela #balde #de #lixo #plancton #sandy #esquilo #autoescola #sorriso #smile #spongebob #squarepants (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Entre todas as manias dos usuários do Instagram, a utilização de muitas tags é a que mais demonstra egocentrismo, pois serve para que outras pessoas cheguem até aquelas fotos, mesmo sem seguir os fotógrafos. E uma ou outra podem ser muito interessantes, pois ajudam a identificar os conteúdos, só que há momentos em que isso foge do controle.

Ou vai dizer que você gosta de chegar às fotos de seus amigos e ver que existem mais tags marcadas do que realmente deveria haver?

Fotos falsas e de outros fotógrafos

Se você está em Paris, poste fotos de Paris. Se você está em Curitiba, poste fotos de Curitiba. É simples entender a lógica, não é? Por isso, é bom não aproveitar o Instagram para postar fotografias de lugares em que você nunca esteve, principalmente se elas forem de fotógrafos profissionais, que trabalham com isso e não estão ganhando sobre o trabalho.

“Gostaram da foto? Tirei em Paris hoje cedo, mas já voltei!” (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

“Mas Tecmundo, e os gatinhos e cãezinhos?”

Esses não podem jamais deixar de ser mostrados. Continuem postando fotos de todos eles. Por favor, nunca parem. Os animaizinhos são tão legais que nós até separamos uma galeria com alguns dos bichinhos do pessoal da NZN. São gatos e cachorros muito legais. Não tem como pedir para que eles parem de aparecer.

 

Galeria de Imagens

 

…..

Atenção: este artigo faz parte do quadro “Erro 404″, publicado semanalmente no Baixaki e Tecmundo com o objetivo de trazer um texto divertido aos leitores do site. Algumas das informações publicadas aqui são fictícias, ou seja, não correspondem à realidade.

Leia mais em:http://www.tecmundo.com.br/erro-404/37857-erro-404-os-piores-habitos-dos-usuarios-do-instagram.htm#ixzz2ONl56DCd

Wampserver error

pra quem se utiliza ou ira se utilizar do wampserver , pós instalação poderá ocorrer esse erro acima. Para resolver isso verifique se o skype ou qualquer outro programa que se utilize da porta 80 está em funcionamento, se estiver saia do programa e inicie o wampserver que o problema estara resolvido.

 

Microsoft anuncia data de lançamento do Windows 8

26 de outubro é o dia em que os usuários poderão comprar seus aparelhos com o novo sistema operacional ou atualizar os computadores para a versão mais recente

Por Bruno Iacona de Bello em 19/Jul/2012

A Microsoft anunciou que o novo sistema operacional Windows 8 começa a ser vendido a partir do dia 26 de outubro, pouco mais de três anos após o lançamento do Windows 7. Até então, a empresa havia anunciado que lançaria o produto no fim de outubro, mas não havia divulgado o dia exato.

A partir dessa data, os usuários poderão atualizar seus computadores para o novo sistema ou comprar um hardware novo com o Windows 8 já instalado.

O novo sistema operacional é bem mais rápido que os anteriores, mas já causa intriga entre os usuários, por não possuir o botão iniciar e ser muito parecido com a funcionalidade dos tablets. Um tribunal europeu investiga a Microsoft por acusações sobre ela dificultar o funcionamento de outros navegadores nessa nova versão.

Outro problema apresentado está ligado ao acesso à tela de boot, usada quando o computador dá algum problema. Nos hardwares mais novos, não haverá problema, mas quem usar o Windows 8 em PCs criados antes do sistema terá somente 200 milisgundos para apertar F8 quando a tela de boot aparecer.

Junto com o novo sistema, a Microsoft talvez lance o Surface, tablet da empresa e que pretende concorrer com o iPad, o Galaxy Tab e o Nexus (O Superdownload fez uma comparação entre os dispositivos). O tablet tem uma diferença para os concorrentes: pode acoplar um teclado e tornar-se um notebook, caso o usuário canse de usar os recursos touchscreen ou precise escrever com maior facilidade um texto longo.

Via: The Telegraph

Fonte: http://www.superdownloads.com.br/materias/microsoft-anuncia-data-de-lancamento-do-windows-8.html#ixzz22B5mSyjr

Feng Shui em Redes Wi-Fi II: Fazendo o sinal chegar mais longe

Testamos o mito de adaptar latas de refrigerante e de “Pringles” na antena do roteador wi-fi e mostramos os resultados

Por Guilherme Gouvêa Pícolo em 22/Jul/2012

Em dezenas de sites pela Internet, consta a lenda de que, com o uso de latas de refrigerante ou daquelas embalagens das batatas “Pringles”, adaptadas às antenas do roteador, é possível amplificar o sinal e obter ganhos milagrosos de redução de interferência (noise reduction).

Teoricamente, é possível que seja verdade, uma vez que o alumínio é um ótimo condutor magnético, e o aumento da área de superfície da antena é capaz de fazer as ondas reverberarem com maior facilidade. É mais ou menos a história da palha de aço na antena de TVs antigas.

Resolvemos fazer o teste no SD. Primeiro, testamos a gambiarra com duas latas de refri e depois, com latas de Pringles, em diferentes posições. O roteador usado para testes foi um TPLink de 54 Mbps. Usamos também um programa de medição de sinal gratuito, chamado NetStumbler, que está disponível para download no site.

Antes de iniciarmos os testes, isolamos o router e monitoramos, durante cerca de 15 minutos, o seu sinal (SNR), que marcou uma média de 54 decibéis.


 

Teste 1: Latas de refrigerante cortadas no bocal

Para fazer o teste, você precisa cortar as latas vazias perto do bocal, na área em que a abertura seja equivalente (ou bem próxima) ao diâmetro total do objeto. Como a lata de alumínio é bastante flexível, você pode fazer o corte com uma faca de cozinha ou uma tesoura razoavelmente boa, como mostrado nas figuras abaixo.

 

Lave e seque bem os resíduos de refrigerante das latas.

Faça um buraco no meio do corpo das latas, de modo a poder encaixá-las nas antenas (sugerimos que faça isso com um estilete).

 

A seguir, encaixe as latas no topo das antenas.

 

Na medição do NetStumbler, o SNR (Signal-to-Noise Ratio) saltou para 58 decibéis.

 

Teste 2: Teste com as latas abertas

Outra opção pesquisada na Internet (e sugerida aqui pelo pessoal da redação) foi cortar a lata na vertical, de modo a expor e ampliar a área de alumínio.

 

Desta feita, o NetStumbler atingiu os 64 decibéis.

Mais uma informação importante: nesse caso, se você colocar uma lata contra a outra, da segunda antena, o SNR cai para 58 decibéis, possivelmente porque os dois suportes de alumínio estão contrapostos e levam à confusão do sinal.

 

Teste 3: Lata das batatas “Pringles”

Repetindo o teste das latas de refrigerante com as embalagens das batatas Pringles, obtivemos praticamente os mesmos resultados.

 

No primeiro teste, com a lata fechada, encaixada perpendicularmente na antena, o SNR fica nos 58 decibéis. Quando abrimos as latas e as alinhamos de forma paralela às antenas, chegamos a uma variação de redução de interferência entre 64 a 66 decibéis.

Também testamos colocar a lata de “Pringles” aberta sobre as duas antenas como se fosse uma “telha”. E desta forma, conseguirmos chegar aos 62 decibéis de SNR.

 

Conclusões

Após o teste, que ainda foi repetido num router NetGear WGR614, com resultados similares, pudemos deduzir que:

1- A melhoria de sinal com o uso de instrumentos domésticos como latas de refrigerante e embalagens de “Pringles” nas antenas do roteador wi-fi é verdadeira e perceptível, independente de software de medição de sinal.

2- Os ganhos na qualidade do sinal podem chegar a 20% apenas com essas pequenas implementações.

3- É óbvio que esta não é uma opção profissional, nem visa a substituir o upgrade (se necessário) para melhores equipamentos ou para uma infraestrutura de rede mais adequada às suas necessidades. Entretanto, para casos pontuais e domésticos, é, sim, uma alternativa válida.

4- O alinhamento das latas também é muito importante e gera diferenças de resultados. Quando abertas, elas precisam estar fixadas exatamente na paralela das antenas para atingir seu potencial máximo.

Fonte: http://www.superdownloads.com.br/materias/feng-shui-redes-wi-fi-ii-fazendo-sinal-de-internet-longe.html#ixzz22B51MhAp

Melhores jogos de cartas online

Confira a lista com 14 jogos de cartas gratuitos, entre eles Yu-Gi-Oh!, Magic: The Gathering, Pokémon e muitos outros

Por Bruno Iacona de Bello em 26/Jul/2012

 

Jogos de carta são amplamente jogados e conhecidos no mundo. No Brasil, os três mais famosos são Yu-Gi-Oh!Magic: The Gathering e Pokémon. Mas nem sempre encontrar alguém que compre essas cartas e jogue é fácil. Então o Superdownloads separou para você diversos jogos de cards online. Além desses games conhecidos, existem diversos outros muito legais. Todos eles de graça!

 

Alteil

Diferente dos outros jogos de carta, em Alteil você pode ter acesso a todas as suas cartas do baralho em qualquer momento da partida. O jogo também conta com cartas bem desenhadas, com traços de ilustradores japoneses. Ao longo do game, você ganha pontos que podem ser trocados por mais cartas. Tudo isso sem precisar baixar nada. Jogue diretamente no seu browser, de graça. É preciso apenas fazer um cadastro no site do desenvolvedor.

 

Carte: Trading Card Game

Nesse jogo, você monta um deck com 65 cartas, sendo uma delas seu herói e 4 “tarot cards”, que não podem ser repetidas. O jogo conta com diversas cartas de criaturas, magias, armadilhas e muito mais. Quanto mais vitórias, mais nível você sobe.

 

Cockatrice

É um projeto open-source onde as pessoas podem jogar partidas do clássico Magic: The Gathering com um jeito muito fiel as regras de uma partida de verdade. Após baixar o arquivo, é possível fazer o download das cartas de Magic existentes a partir de 1999 e montar com elas o seu próprio deck. É possível jogar com seus amigos ou qualquer jogador que tenha o Cockatriceinstalado.

 

Ederon

É um jogo com mais de 1000 cartas, divididas em 8 classes. Cada classe contém armas, armaduras, escudos, magias, habilidades e personagens para você montar seu baralho de acordo com a sua estratégia. Jogue com pessoas do mundo todo, de graça e sem instalar nada.

 

Magarena

Baseado no clássico Magic: The Gathering, o jogo é todo em single player, mas conta com uma quantidade fantástica de cartas. Ao abrir o game pela primeira vez, você deve fazer o download das cartas do jogo, para montar se deck. Se estiver com preguiça, não tem problema: o Magarena cria 3 baralhos para você, assim fica tudo mais fácil. As regras do jogo são bem parecidas com as de Magic.

 

Mage

Mais uma versão de Magic: The Gathering. É possível disputar contra seus amigos ou o computador. O mais interessante nessa versão é que é possívem baixar todas as cartas existentes em Magic e montar o seu baralho com todas elas, além de procurar por caras, separadas por cor, habilidade e tipo. Mesmo quem não quer jogar Magic online, mas procura se manter atualizado pela coleção de cartas, esse é um bom programa.

 

Magic: The Gathering – Duels of the Planeswalkers 2013

Essa é a versão de demonstração do mais novo game de Magic: The Gathering. Comece o jogo com um baralho e enfrente diversos inimigos poderosos. A cada vitória, um novo baralho é aberto, além de diversas cartas extras. Venca todos os inimigos e enfrente-os novamente em uma revanche para se tornar o melhor Planeswalker do multiverso. Enfrente jogadors online e faça batalhas em dupla com seus amigos. O jogo também conta com um modo puzzle, onde você deve descobrir como vencer um inimigo em uma determinada situação.

 

Magic: The Gathering Tactics

Esse jogo baseado em Magic: The Gathering mistura as partidas com cartas e os MMORPGs (jogos de RPG online). O jogador deve criar um personagem e descobrir um mundo totalmente diferente, enfrentar monstros e fazer missões. Com isso, ele ganha cartas e cria suas próprias magias, que podem ser usadas mais tarde, nas partidas de cartas dentro do próprio jogo.

 

Magic Workstation

Serve para os fãs de Magic: The Gathering montarem seu baralho com quase todas as cartas existentes. Os jogadores podem jogar online uns com os outros.

 

Pokémon Trading Card Game Online Em português Ouro

Um dos maiores clássicos dos games e da TV, o jogo de cartas de Pokémon agora é online e gratuito. Ele pode ser jogado totalmente em português, incluindo as cartas e as vozes do game. Por enquanto em fase de testes, é possível enfrentar somente o computador. Mas é esperada uma atualização para que os jogadores comecem a se enfrentar.

 

Shadow Era

Esse multiplayer de cartas possuí mais de 100 cards para que você desenvolva a sua estratégia. Você deve ter um herói no seu baralho, que vai influenciar todo o modo de jogo. Existem diversas cartas diferentes, de monstros, magias e outros tipos. Perde aquele que deixar seu herói morrer.

 

Urban Rivals

Esse game é totalmente online e gratuito e em português. Diferente de jogos como Magic e Yu-Gi-Oh!, aqui o que conta é a sua habilidade em combate, manipulação e blefe. Você começa com um baralho e deve usar pílulas para turbinar sua equipe e ficar mais forte que o adversário. As cartas ganham experiência e sobem de nível, mudando a ilustração e o poder. Além de jogar contra outros jogadores, você pode cumprir missões e ganhar dinheiro, usado para comprar outras cartas. Para os mais apressados, é possível comprar packs com cartas aleatórias com dinheiro ou créditos do celular.

 

Yu-Gi-Oh! BAM No ranking semanal

O jogo de cartas Yu-Gi-Oh! é um dos mais populares e jogados no mundo. Então nada melhor do que jogá-lo na rede social mais famosa do mundo. Exclusivo para Facebook, o jogador poderá explorar um modo história, desafiar seus amigos e montar seu próprio baralho.

 

Yu-Gi-Oh! Online – Duel Accelerator

Nessa versão, o usuário cria uma conta gratuita e cria seu personagem. As batalhas acontecem contra outros jogadores ou máquinas.

Fonte: http://www.superdownloads.com.br/materias/melhores-jogos-de-cartas-online.html#ixzz22B4XRUnX